Governo firma convênio com Banco do Brasil para pagamentos em caixas-eletrônicos

29/08/2017

PARCERIA

Governo firma convênio com Banco do Brasil para pagamentos em caixas-eletrônicos

Guias do Detran, Caerr, Sefaz, Iper, Junta Comercial e Cerr podem ser pagas das 6h até às 21h nos terminais, com cartões de débito de qualquer banco

SECOM-RR

Em coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira, 28, na Superintendência do Banco do Brasil, o Governo de Roraima anunciou uma parceria para facilitar o pagamento de guias de órgãos estaduais.

Agora é possível pagar boletos e guias do Detran-RR (Departamento Estadual de Trânsito), Caerr(Companhia de Águas e Esgotos de Roraima), Sefaz (Secretaria de Fazenda), Iper (Instituto de Previdência de Roraima), Junta Comercial  e Cerr (Companhia Energética de Roraima) nos terminais de autoatendimento do Banco do Brasil com cartões de débito de todos os bancos.

 A iniciativa já é adotada em São Paulo, Paraná, Maranhão e Acre. A novidade, porém, chega a Roraima com um diferencial: nos demais Estados somente é possível pagamentos de guias do Detran.

Conforme o superintendente Estadual do Banco do Brasil, Álvaro Fertig, a ampliação dos serviços em Roraima só foi possível devido ao interesse do governo em oferecer mais comodidade ao cidadão. 

“O governo nos procurou com interesse em firmar o convênio visando reduzir as enormes filas do Detran-RR, contudo, durante as nossas reuniões os representantes estaduais se perguntaram o que mais poderia melhorado. Foi quando firmamos as demais parcerias”, ressaltou Fertig.

De acordo com o diretor-presidente do Detran Roraima, Titonho Beserra, o órgão será um dos mais beneficiados com a parceria. "Trabalhando sempre com o que determina a governadora Suely Campos, nós nos reunimos com a equipe do Banco do Brasil para tornar possível essa parceria, onde os nossos clientes poderão realizar o pagamento de qualquer taxa do Detran-RR nos caixas eletrônicos do Banco do Brasil e pagar com cartões de débito de qualquer outro banco”, frisou.      

                 

Beserra revelou que uma das maiores expectativas é a redução das filas no Detran e a celeridade nos processos. "Esperamos, num curto espaço de tempo, zerar as longas filas que temos nos nossos atendimentos hoje. Além disso, com o pagamento online, o Detran poderá liberar documentação em até 40 minutos após a realização do pagamento. O que antes poderia levar até 24 horas no caso de boleto”, afirmou.                 

O diretor-presidente disse ainda que estuda junto ao Banco do Brasil para, no prazo de 60 dias, inserir mais um benefício aos consumidores. “Estamos trabalhando para que o cidadão possa ir ao caixa eletrônico apenas com o número do Renavam (Registro Nacional de Veículo) e ali mesmo conseguir o acesso aos boletos pendentes de pagamento para regularização do veículo e, se for a intenção, efetuar o pagamento de imediato", detalhou.

 

COMO PAGAR – Para realizar o pagamento de um boleto nos terminais de autoatendimento do BB é simples. Ao chegar no caixa-eletrônico insira o cartão do seu banco no local indicado. Assim, o sistema irá iniciar a tela de pagamento onde você escolhe qual o órgão quer realizar o pagamento.

É preciso informar o CPF e um telefone para contato, caso haja algum problema. Use o código de barras e faça o pagamento pelo débito e retire o comprovante.

Com a novidade, os clientes das autarquias estaduais em Boa Vista terão 100 novos terminais para pagamento e 35 no interior do estado.  O pagamento pode ser realizado das 6h até às 21h nos terminais de autoatendimento do Banco do Brasil que contenham o leitor de código de barras.

“Se a guia estiver dentro do prazo de vencimento a pessoa realizará o serviço sem problema algum”, disse, concluindo que o consumidor não paga nenhuma taxa adicional para utilizar o serviço, disse Álvaro Fertig.

O superintendente do Banco do Brasil destacou que a única restrição que cidadão pode ter é referente ao limite e será o limite de crédito pessoal que ele tem no banco de origem. 

“Se uma pessoa que tem conta no Bradesco, por exemplo, vai ao caixa eletrônico do Banco do Brasil pagar uma guia da Caerr no valor R$ 1 mil, mas no seu banco de origem o limite para pagamento é de R$ 500, ela não irá conseguir. Neste caso recomendamos que essa pessoa procure seu gerente e solicite o aumento do limite”, concluiu

 

Contatos

Av. Pres. Castelo Branco, 1163 Calungá, CEP: 69303-035

info@cerr.net.br

+ 55 (95) 4009 1500

+ 55 (95) 4009 1500